Como prefere entrar em contato?
Bem Vindo(a)

Liberdade e guerra – uma breve história

Fonte http://www.mises.org.br/Article.aspx?id=1753

gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - Liberdade e guerra - uma breve história
Saul atacando David (1646)
Guercino (1591–1666)
A Primeira Guerra Mundial foi o ponto de
inflexão do século XX.  Se ela não
houvesse ocorrido, os Hohenzollern da Prússia muito provavelmente
permaneceriam
como chefes da Alemanha, com seu arsenal de reis e nobres subordinados
encarregados dos estados germânicos menores.  Com qualquer vitória que
Hitler pudesse ter
obtido nas eleições do Reichstag, poderia ele ter erigido sua ditadura
totalitária e homicida em meio a esta poderosa superestrutura
aristocrática? Altamente improvável.  Na Rússia, os poucos milhares de
comunistas de
Lênin confrontaram o imenso exército imperial russo, o maior do mundo.
 Para que Lênin tivesse qualquer chance de
sucesso, aquele exército deveria ser antes pulverizado, que foi
exatamente o
que os alemães fizeram.  Portanto, um
século XX sem nazistas ou comunistas.  Imagine
isso.  Foi o ponto de inflexão na
história da nação americana, que sob a liderança de Woodrow Wilson
transformou-se em algo radicalmente diferente do que havia sido antes.

A
Primeira Guerra Mundial destruiu a economia mundial que havia sido construída
durante o século XIX sob o liberalismo clássico.  O nível de integração da economia mundial subiu de
moderadamente baixo em 1860 para moderadamente alto em 1914.  A Grande Guerra desintegrou a economia mundial,
retornando-a a um nível substantivamente abaixo daquele vigente em 1860.  E ao final da Segunda Guerra Mundial (que foi
uma continuação da Primeira Guerra Mundial), o nível de integração era metade
do nível de 1860.  O nível de integração
da economia mundial só foi superar aquele de 1914 no século XXI. 
Os governos levaram 70 anos para
realizar aquilo que a liberdade fez em questão de dias.

Conte o que você achou disso!

DATE: jan 4, 2020
AUTHOR: admin
Ferramentas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *