Como prefere entrar em contato?
Bem Vindo(a)

Category "Ferramentas"

Uber desiste de operação de patinete em São Paulo

Ferramentas

Fonte https://gizmodo.uol.com.br/uber-desiste-de-operacao-de-patinete-em-sao-paulo/

patinetes uber sao paulo 768x432 - Uber desiste de operação de patinete em São Paulo

Os patinetes pareciam estar pegando tração no final do ano passado, com investimentos e novas iniciativas espalhadas pelas capitais do Brasil. Em janeiro, começaram algumas más notícias e o mercado parecia desacelerar e com a pandemia parece que o negócio vai capotar. As opções da Uber em São Paulo, que estrearam em março, não devem voltar a operar na capital e em Santos.

A informação foi publicada no blog Avenidas, do jornal Folha de S. Paulo e confirmada pelo Gizmodo Brasil. Os patinetes tinham sido retiradas em meio à pandemia do novo coronavírus e não devem voltar mais.

Em maio deste ano, a Uber fez um acordo com a Lime, outra empresa do setor, investindo US$ 170 milhões e repassando os seus serviços de bicicletas e patinetes. As opções de mobilidade podem ser encontradas por meio do app da Uber nos países em que opera – não é o caso do Brasil, já que a Lime fez uma rápida aparição e se despediu no começo deste ano.

O mercado de mobilidade foi afetado pela pandemia por causa das medidas de isolamento social e quarentena. A Uber demitiu 14% de sua força de trabalho em meio à crise e viu uma redução de receitas de US$ 3,5 bilhões no primeiro trimestre.

Por outro lado, a companhia tem tentado investir no setor de delivery. No começo deste mês, a Uber anunciou a compra da Postmates nos EUA por US$ 2,7 bilhões. O Uber Eats viu as reservas dispararem 52%, para US$ 3,1 bilhões. Enquanto isso, a receita líquida dessa divisão do negócio aumentou 121% em relação ao primeiro trimestre de 2019.

Em nota, a Uber confirmou a saída dos patinetes das cidades paulistas:

No dia 7 de maio, a Uber anunciou a fusão da Jump, sua divisão de micromobilidade, com a empresa Lime, que está dando seguimento a uma operação combinada nas cidades que atende. Com essa fusão, as operações de patinetes elétricos da Uber em São Paulo e Santos, suspensas desde o início da pandemia, foram descontinuadas.

A Uber continua acreditando firmemente na micromobilidade e em seu poder para transformar positivamente as cidades e reconhece que a escala e o foco da Lime serão fundamentais para avançar com essa transformação. Por meio do aplicativo da Uber, nossos usuários continuarão tendo acesso aos veículos operados pela Lime onde a empresa tiver atividades.

The post Uber desiste de operação de patinete em São Paulo appeared first on Gizmodo Brasil.

READ MORE


DATE: jul 15, 2020
AUTHOR: admin

Lançamento de Necrobarista é adiado para 2021 no Switch; Novo trailer

Ferramentas

Fonte https://switch-brasil.com/lancamento-de-necrobarista-e-adiado-para-2021-no-switch-novo-trailer/

Necrobarista Scrn15072020 - Lançamento de Necrobarista é adiado para 2021 no Switch; Novo trailer

A editora Playism e a desenvolvedora Coconut Island Games anunciou hoje que a visual novel Necrobarista  teve seu lançamento para Nintendo Switch e PlayStation 4 adiado e só deve chegar em 2021. A versão do jgoo para WIndows (Steam) será lançada na próxima semana por respectivos $19.99 / €16.79 / £15.49 / $24.95 AUD.

O jogo terá suporte ao português brasileiro, inglês, francês, italiano, espanhol, alemão, chinês, japonês, coreano, russo, turco, e holandês como opções de idioma.

Confira um novo trailer do jogo abaixo.

READ MORE


DATE: jul 15, 2020
AUTHOR: admin

Fique "conectado à cultura" no Dia Internacional dos Museus

Ferramentas

Fonte http://feedproxy.google.com/~r/OBlogDoGoogleBrasil/~3/QifP_50Np7k/fique-conectado-cultura-no-dia-internacional-dos-museus.html

A cultura é uma cola que nos une, mesmo quando não podemos estar fisicamente juntos. Neste momento, gente de todo o mundo está estudando, explorando e encontrando interesse em lugares e coisas inesperadas – e organizações culturais de diversos países têm criado novas maneiras de se manter em contato com o público, por via digital.

gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - Fique "conectado à cultura" no Dia Internacional dos Museus
Apoiando organizações culturais on-line
Para marcar o Dia Internacional dos Museus, que será um pouco diferente este ano, junto com o Conselho Internacional de Museus, apoiamos organizações culturais a continuar seus programas on-line com a iniciativa “Ligados à Cultura”. Nos últimos meses, vimos dezenas de organizações culturais criativas de todo o planeta se adaptarem ao mundo virtual e pensarem em novas formas de ajudar o público a interagir com arte e cultura – e essa tem sido uma experiência inspiradora e muito rica. Juntas, essas instituições ajudam comunidades a se manterem unidas graças a momentos culturais compartilhados on-line.
Novas experiências que todos podem explorar
Também hoje, mais de 80 museus de 25 países vão começar a exibir novas coleções e histórias no Google Arts & Culture – juntando-se a um grupo que já conta com mais de 2.000 parceiros. A partir de agora, é possível descobrir a Beijing Contemporary Art Foundation (China), a Parsons School of Design (Estados Unidos), o Meiji Jingu Forest – Festival of Art (Japão), o Patronato Ruta de la Amistad A.C (México) ou a Casa Buonarroti (Itália). Juntas, essas instituições acrescentam 250 novas histórias e mais de dez mil obras ao Google Arts & Culture – bem como visitas virtuais e visuais pelo Street View a lugares super interessantes, como o Templo Meiji no Japão.
gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - Fique "conectado à cultura" no Dia Internacional dos Museus
Conheça os fotógrafos que estão revolucionando o mundo da moda com suas imagens cheias de alegria 

No Brasil, o Museu da Imagem e do Som (MIS) inaugura a exposição “Coleção Guilherme Gaensly no acervo MIS: uma paisagem humana”, que reúne importantes registros do fotógrafo suíço-brasileiro e destaca a participação dos trabalhadores para o cultivo do café no interior paulista no final do século 19 e início do século 20.
Ferramentas para professores e pais
Além disso, estamos apoiando pais, professores e pessoas curiosas durante a quarentena com o lançamento de novos conteúdos educativos – como a seção Family Fun do Google Arts & Culture, planejamento de aulas, excursões virtuais e sessões de treinamento de habilidades digitais.
gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - Fique "conectado à cultura" no Dia Internacional dos Museus
10 planos de aula para “Aprender de qualquer lugar”, escritos por especialistas em educação, ajudam a mergulhar numa ampla gama de temas do Google Arts & Culture. Para quem quiser saber como a escola Bauhaus influencia o design até hoje, ou se os dinossauros ainda vivem, basta conferir planos de aula que podem ser baixados de graça no TES #googlearts
Para muitos amantes da arte, criadores e curadores, a ideia de passar o Dia Internacional dos Museus fechado em casa pode não ser muito familiar. Mesmo assim, esperamos que essas novidades no Google Arts & Culture inspirem mais gente a explorar e aprender sobre arte e cultura com toda a família, dentro de casa.
Publicado por Liudmila Kobyakova, Gerente de programa, Google Arts & Culture

gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - Fique "conectado à cultura" no Dia Internacional dos Museus

READ MORE


DATE: jul 15, 2020
AUTHOR: admin

12 Grandes livros indicados em O cheiro do ralo

Ferramentas

Fonte http://www.listasliterarias.com/2020/07/10-grandes-livros-indicados-em-o-cheiro.html

Nossa leitura de O cheiro do ralo, de Lourenço Mutarelli, além de uma grande leitura, revelou-se também uma ótima fonte de dicas de leitura. Ao longo do livro o narrador, como um curtidor de listas literárias, apresenta uma seleção e tanto de livros, confira:
gif;base64,R0lGODlhAQABAAAAACH5BAEKAAEALAAAAAABAAEAAAICTAEAOw== - 12 Grandes livros indicados em O cheiro do ralo

1 – Tabloide americano, de James Ellroy;
2 – Da mão para boca, de Paul Auster;
3 – Manual prático do ódio, de Ferréz;
4 – O mez da grippe, de Valêncio Xavier;
5 – As flores do mal, de Charles Baudelaire
6 – Geleia de rococó, de Glauco Mattoso
7 – Feliz ano novo, de Rubem Fonseca;
8 – O manequim de vime, de Anatole France;
9 – Macunaíma, de Mário de Andrade;
10 – O médico e o monstro, de Robert Louis Stvenson;
11 – A peste, de Albert Camus
12 – The unending gift, de Jorge Luis Borges

READ MORE


DATE: jul 15, 2020
AUTHOR: admin

Câmara adia mais uma vez votação do PL de auxílio a agricultores; oposição pressiona

Ferramentas

Fonte https://www.brasildefato.com.br/2020/07/14/camara-adia-mais-uma-vez-votacao-do-pl-de-auxilio-a-agricultores-oposicao-pressiona

O intenso jogo político em torno da liberação de verbas durante a pandemia gerou um novo adiamento da votação do Projeto de Lei (PL) 735/2020, que prevê medidas de auxílio a agricultores familiares. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), anunciou, na noite desta terça-feira (14), o adiamento da apreciação da pauta para a próxima semana. “A pedido do governo”, informou, sem dar detalhes.

Horas antes, o deputado Nilto Tatto (PT-SP) havia feito um apelo para que o plenário apreciasse o texto, após os seguidos adiamentos. A proposta é o carro-chefe de um grupo de 26 PLs que pedem iniciativas voltadas a tabalhadores rurais. Entre eles, está, por exemplo, o PL 886/2020, da bancada do PT na Casa, que foi produzido a partir de demandas apontadas por movimentos populares do campo.

O texto que está em discussão na Câmara é o parecer do relator do PL 735, deputado Zé Silva (Solidariedade-MG), cuja votação vem sendo adiada há pelo menos três semanas. A proposta prevê medidas como a renegociação de dívidas rurais e a concessão de crédito para incentivar a produção no campo.  

Temos muita gente dependendo do Estado para receber alimentos.

“Esse projeto é estratégico pra gente apoiar neste momento. Na verdade, lá se vão quase quatro meses [do avanço do coronavírus] e é preciso que o Congresso dê resposta a um setor que é tão estratégico para o enfrentamento da pandemia”, cobrou Tatto, acrescentando que a medida contribui para a produção de alimentos no país e ajuda a evitar uma eventual crise de desabastecimento no meio urbano, hoje impactado pela desaceleração econômica.

“A gente já vinha numa crise muito grande e, portanto, temos muita gente dependendo do Estado para receber alimentos. Se a gente não aprovar rapidamente o projeto pra fomentar a produção da agricultura familiar, nós vamos ter um problema sério logo ali na frente com falta de alimentos”, alertou o parlamentar, um dos articuladores do PL.

:: Em meio à pandemia, a força para vencer o vírus e a fome vem das famílias do campo :: 

Os agricultores familiares não figuram entre os grupos atendidos pelas políticas de auxílio emergencial do governo Bolsonaro. “É o momento de o parlamento puxar isso pra si, da forma como já vem fazendo, e mostrar para o povo brasileiro o quanto é importante e significativo apoiar a agricultura familiar neste momento”, disse Nilto Tatto.

Sociedade civil

A votação do PL 735 é alvo de forte pressão da sociedade civil, especialmente das entidades envolvidas na elaboração do PL 886/2020, que pede, além da renegociação de dívidas e da concessão de crédito, iniciativas como o apoio para a construção de cisternas e crédito universal para as mulheres do campo. O texto de Zé Silva, por exemplo, libera este benefício apenas para aquelas que são chefes de família ou mães solteiras e não atende à demanda sobre tecnologias de acesso à água.  

:: Sem apoio, agricultores perdem produtos enquanto populações vulneráveis passam fome :: 

De acordo com os interlocutores que defendem o PL na Câmara, a barreira principal para a adoção dessas outras medidas é a equipe econômica do governo, que vem impondo entraves à liberação de mais verbas. A construção de cisternas para 25 mil famílias, por exemplo, demanda um montante de R$ 150 milhões.

Temos o risco de desabastecimento alimentar porque os estoques públicos de alimentos estão muito baixos

Para a antropóloga Maria Emília Pacheco, assessora da Federação de Órgãos para Assistência Social e Educacional (Fase) e ex-presidenta do Conselho de Segurança Alimentar (Consea), as limitações se comunicam diretamente com o modelo em que estão historicamente fundadas a economia e a agricultura brasileiras.  

“Este é um país da economia de exportação de commodities, mesmo que se possa admitir que um ou outro representante do agronegócio faça alguma concessão, mas é um país que optou por esse caminho, que é extremamente de conflito e de risco enorme. Neste momento, temos o risco de desabastecimento alimentar porque os estoques públicos de alimentos estão muito baixos, então, a razão [para não se votar o PL] é política, ideológica. O recurso existe”, afirma Pacheco.  

Nos últimos meses, as diferentes propostas aprovadas pelo Legislativo liberaram um montante de mais de R$ 500 bilhões para as ações de enfrentamento à covid-19 no país, segundo dados do Siga Brasil, plataforma do Senado que acompanha os gastos da União.

O Brasil de Fato, mais uma vez, tentou ouvir o relator do PL, deputado Zé Silva, e o líder do governo na Câmara, Major Vitor Hugo (PSL-GO), sobre o adiamento da votação, mas não conseguiu contato com os dois.

READ MORE


DATE: jul 15, 2020
AUTHOR: admin